CONTEÚDO NEXIALISTAS

Consultoria em Educação Corporativa: Parceria estratégica para o RH

postado em: 08/28/2017

Ilustração executivos da educação corporativa

Laura é gerente de Recursos Humanos em uma empresa de saúde. Sempre preocupada com o desempenho dos colaboradores busca continuamente novas ideias sobre tendências em Educação Corporativa.

A princípio, os executivos da companhia não lhe davam tanta atenção. Até que, como as demais companhias no mundo, se deram conta que em uma realidade de transformação, o capital humano se tornava elementar para a manutenção da competitividade. Afinal, sem um time preparado e que se desenvolve constantemente não há como falar em inovação ou implementação de novas estratégias.

Laura passou a ser mais requisitada, mais ouvida. Ganhou o tão desejado “lugar à mesa” nas decisões estratégicas da empresa. Por outro lado, passou a acumular mais responsabilidades contando com a mesma equipe.

Você se identifica em algum momento dessa pequena história? Ou reconhece a sua empresa nesse momento de mudanças?

Quando a parceria é o caminho

Como Laura, muitos gerentes e diretores de gestão de pessoas ou RH passaram a ser multitarefas.

Em um mundo em constante mudança uma das principais dificuldades é a implementação de uma cultura de aprendizagem de fato. É ela que garante a manutenção do conhecimento essencial da organização e a geração de novas competências que serão fundamentais para o futuro da companhia.

Tudo isso sem perder o interesse dos principais envolvidos: os colaboradores. Um público cada vez mais exigente, especialmente por estar imerso nessa realidade de inovações e geração de experiências. Eles esperam das companhias o mesmo cuidado na geração de experiências positivas que é dedicado aos clientes finais da organização.

Nessa hora é bom lembrar de escritores como Peter Drucker, Tim Ferris ou do visionário Steve Jobs. Todos aconselham a manter o foco nas atividades que só você pode fazer, e delegar outros processos. Você não precisa estar no controle de tudo o tempo todo.

Não se trata de “delargar”. Empresas com equipes enxutas de RH podem tirar vantagem de uma parceria estratégica com consultorias e empresas de educação corporativa.

Ao “terceirizar” as ações, os profissionais de T&D passam a se dedicar ao principal papel que se espera deles: Alinhar o setor aos objetivos do negócio. E o melhor, alcançando resultados e preparando a empresa para desafios futuros.

Vantagens da parceriaem Educação Corporativa

De acordo com uma pesquisa da empresa Mobiliza, mais de 53% dos profissionais do setor relatam dificuldade de manter a frequência e consistência dos treinamentos para uma formação continuada. E 17%, 16% e 15% enfrentam problemas ao definir as trilhas de aprendizagem; em mobilizar especialistas na produção constante de materiais e para atualizar informações antigas.

Ao definir a parceria com uma consultoria ou empresa os setores de T&D ganham:

Processos mais inovadores e modernos

Consultorias em Educação Corporativa contam com equipes multidisciplinares que se mantém atualizadas para oferecer aos clientes as últimas tendências do mercado. Esse time com diferentes habilidades poderá oferecer um treinamento mais adequado ao que sua empresa precisa. A parceria pode garantir metodologias de jogos de empresas, mobile learning, gamificação, microlearning até realidade aumentada e realidade virtual, além de conteúdo de acordo com o mercado. O resultado é uma equipe mais interessada e motivada, além de uma gestão eficaz do conhecimento.

Tempo

Profissionais de T&D andam bem sobrecarregados esses dias. Uma empresa responsável por produzir e aplicar treinamentos engajadores e ferramentas para monitorar o avanço dos colaboradores salva bastante tempo. Algum tempo ainda deverá ser necessário, mas para alinhar e validar as estratégias de T&D da empresa com as ações da parceira. Bem menos do que seria preciso para analisar, produzir e aplicar os treinamentos.

Visão externa sobre processos e realidades da companhia

É como sempre dizem, há aspectos em nossa empresa que não conseguimos perceber por conviver com eles todos os dias. Ou realidades que já são aplicadas em outros mercados e poderiam beneficiar nossa companhia. Um olhar externo pode trazer essas contribuições, além do diagnóstico do negócio, alternativas, sugestões para otimizar rotinas ou mesmo novos métodos de avaliação e monitoramentos das equipes.

Foco nos negócios

Em um mercado tão volátil e incerto é essencial que você saiba cada vez mais do negócio da sua empresa. Por melhor que você seja ou goste de elaborar cada ferramenta ou treinamento é preciso focar no que sua companhia mais precisa de você: o planejamento para otimizar a produtividade e envolvimento dos colaboradores. Salve esse tempo para a atração e retenção de talentos, desenvolvimento de competências e lideranças, análise de fatos e dados que te permitam colocar o T&D em um patamar diferenciado de resultados. Enfim, para avaliar e desenvolver estratégias de aprendizagem que sejam vantagens competitivas da organização.

Formação de equipe interna

A parceria com empresas de consultoria ou educação corporativa pode promover frutos mais duradouros nas organizações. Ao acompanhar as atividades na empresa a equipe de RH passa a ter contato com técnicas mais modernas, de alto impacto, e amplia seus conhecimentos. Aprende sobre sistematização, metodologias, gestão de processos. Os integrantes dessa equipe tornam-se consultores internos dentro da empresa.

Imagem de Jogo de Video Game

Como estabelecer a parceria

A primeira coisa a ter em mente é definir os termos desse relacionamento. Estabelecer os objetivos da corporação, quais são as expectativas, cronogramas e os modelos de sucesso a alcançar.

Deixar claro os parâmetros do trabalho como indicadores, metas, critérios de qualidade, objetivos de produtividade, o que é preciso conquistar e os dados para mensurar o desenvolvimento das atividades.

Nesse sentido, ressaltar como se dará a interação entre a equipe de T&D da companhia com a parceira e a transferência das atividades e ações já em andamento para garantir a continuidade da cultura, visão, processos e sistemas que são adotados na organização.

Como se pode perceber não se trata de transferir ou terceirizar todo o setor. É aproveitar o know-how de outras empresas em aprendizagem ou em treinamento para otimizar a capacitação dos colaboradores.

A parceira fica com o operacional para permitir que gerentes e diretores possam se dedicar à estratégia, na atração e retenção de talentos e na análise de fatos e dados para colocar o T&D em um patamar diferenciado de resultados.

Não é preciso abrir mão de todas as ações de treinamento e desenvolvimento, o relacionamento pode ser firmado apenas para processos mais complexos, em que se exige mais técnicas inovadoras, modernas, em que a especialidade da consultoria fará diferença.

Ficou interessado? Então não deixe de conhecer as soluções em aprendizagem, que ajudam a transformar pessoas, e as soluções em consultoria, que ajudam a transformar processos, que a Nexialistas oferece para sua empresa. Desenvolvemos estratégias personalizadas de acordo com o seu negócio e com os objetivos que pretende alcançar. Entre em contato conosco!

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar